Passar para o Conteúdo Principal
 
Hoje
Hoje
Máx C
Mín C

Logótipo Pampilhosa da Serra

 

Seminário – Qualificação das Vivências da População Envelhecida: Que Desafios

Geral
1338559935 6263 semiario 3 1 1024 2500
01 Junho 2012

O Seminário "Qualificação das Vivências da População Envelhecida: Que Desafios?" decorreu no passado dia 30 de maio, em Pampilhosa da Serra e contou com um painel de temas extremamente atuais, não só pelo seu impacto nas especificidades de um território como o de Pampilhosa da Serra, mas também pela sua pertinência a uma escala mais regional e mesmo nacional.
A abertura da sessão de trabalhos contou com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Pampilhosa da Serra, José Brito Dias, que aludiu à necessidade de refletir sobre as questões que preocupam o território, referindo que foi já possível envolver as populações pampilhosenses nesta discussão, através da realização de vários encontros, que no âmbito da Implementação do Programa de Intervenção Cívica, desenvolvido nos últimos dois anos no concelho, permitiram que cada munícipe desse o seu contributo para o que poderá ser a melhoria das condições de vida no concelho.
Seguiu-se o Presidente da CIMPIN - Comunidade Intermunicipal do Pinhal Interior Norte, Dr. João Marques, referindo que no atual momento já se começa a construir o que será o futuro das CIM e que nesta qualidade, mas também na qualidade de autarca do Município de Pedrógão Grande vê todo o território do Pinhal Interior Norte imbuído dos mesmos problemas, para os quais tem que haver visão e estratégia politica, capacidade de dar dignidade às pessoas que habitam estes territórios, cujos direitos deverão ser inalienáveis, independentemente do número de pessoas que os constituem.
Ainda no âmbito da sessão de abertura, a Dr.ª Ana Abrunhosa, Vogal Executiva da Comissão Diretiva do Programa Operacional Regional do Centro, apresentou algumas reflexões relativamente ao que considera ser a solidariedade entre gerações. Por outro lado, enquanto gestora do Mais Centro, referiu também um conjunto de programas de desenvolvimento que nas áreas do empreendedorismo, nomeadamente na valorização da componente feminina ou dos saberes tradicionais e da regeneração urbana têm procurado ser alavancas de futuro no apoio aos idosos, na adaptação dos espaços públicos e na melhoria em geral da qualidade de vida e criação de riqueza dos territórios em que intervêm. Também neste contexto a Dr.ª Ana Abrunhosa referiu a "Operação Individual para o Centro Urbano de Pampilhosa da Serra", projeto apresentado pelo Município de Pampilhosa da Serra ao Mais Centro no âmbito do Programa de Regeneração Urbana, como um dos projetos mais completo, que alia a dimensão de investimento na juventude às novas tecnologias, sendo possível um olhar sobre outras dimensões da população, levando à participação de toda a sociedade civil, nomeadamente no âmbito da Implementação do Programa de Intervenção Cívica.
O Diretor do Centro Distrital de Coimbra da Segurança Social, Eng.º Ramiro Miranda fechou a sessão inicial destacando, na sua intervenção, o trabalho desenvolvido pelas IPSS, nomeadamente no apoio às pessoas idosas, assinalando 2012 como o Ano Europeu do Envelhecimento Ativo e da Solidariedade entre as Gerações.
Os painéis temáticos abordaram vários temas, como o posicionamento dos territórios na promoção de ações integradas para a qualidade de vida na população sénior, com intervenção da Dr.ª Teresa Pinto, no âmbito das Cidades Amigas das Pessoas Idosas, da Dr.ª Luísa Camilo, em representação do Município de Miranda do Corvo e da Dr.ª Ana Araújo, vereadora da Câmara Municipal da Lousã.
O painel envelhecimento ativo e solidariedade entre gerações - que desafios para a promoção de uma cidadania ativa? contou com a exposição do Prof. Dr. Ignácio Martín, da Universidade de Aveiro, na abordagem à temática do novo papel da pessoa idosa: da incapacidade à produtividade, e com a intervenção da Dr.ª Alexandra Tomé, Chefe de Gabinete da Câmara Municipal de Pampilhosa da Serra, com o testemunho do que foram os Encontros de Aldeia como exemplo de mobilização cívica, que permitiram a participação e envolvimento de toda a comunidade na construção de uma nova maneira de pensar, de agir e de trazer soluções para os problemas do concelho, destacando o apoteótico "Encontro da Vila", que ao juntar mais de 1000 pessoas, marcou o encerramento destes ciclos de participação.
O último painel de trabalhos abordou o papel das tecnologias no novo quadro sociodemográfico - um instrumento para a inclusão e qualidade de vida, com as intervenções do Dr. Filipe Espina, da Cooperativa de Solidariedade Social, da Dr.ª Ana Rita Cunha, da ISA - Intelligent Sensing Anywhere e do Dr. Luís Matias, Vice-presidente da Câmara Municipal de Penela, destacando alguns dos projetos a decorrer naquele município, nomeadamente uma abordagem ao Smart Living: Como viver melhor num ambiente rural.
O encerramento dos trabalhos foi feito pela Dr.ª Alexandra Tomé, após o debate final entre os participantes no seminário e os vários oradores de cada painel.









Partilhar