Passar para o Conteúdo Principal
 
Hoje
Hoje
Máx C
Mín C

imagem

 

Casas reconstruídas pela Federação Portuguesa de Futebol foram simbolicamente inauguradas

Geral
Site fpf  1 980 2500
03 Outubro 2018
No decorrer da tarde de hoje, dia 3 de outubro, a Federação Portuguesa de Futebol, dirigiu-se ao concelho de Pampilhosa da Serra, para proceder à entrega simbólica das chaves relativas às duas casas reabilitadas pela Federação, na sequência dos incêndios que fustigaram o concelho no ano transato.

Este apoio surgiu no âmbito da campanha de angariação de fundos "Tudo por Portugal", dinamizada pela FPF, cujo dinheiro obtido foi aplicado na reconstrução de doze casas de primeira habitação nas zonas mais afetadas pelos incêndios de 2017. Deste modo, a generosidade da FPF permitiu alavancar a construção das duas habitações sinalizadas no concelho de Pampilhosa da Serra, cuja concretização esteve a cargo da empresa Mateus&Ribeiro.

Assim, foi em ambiente de grande emoção que a comitiva composta Sr. Presidente da Associação de Futebol de Coimbra, Horácio Antunes, pelo Sr. Presidente da Câmara Municipal de Pampilhosa da Serra, José Brito, restantes membros do executivo autárquico e os representantes da FPF, Dra. Francisca Araújo e Eng. Pedro Prudêncio, se dirigiu para as habitações agora reabilitadas a fim de levar a cabo o ato simbólico de entrega das chaves.
“Depois do inferno que passámos, estamos agora a viver um sonho”. Foi desta forma que na aldeia dos Padrões, Luís Fernandes, na presença da sua esposa, Ana Batista, agradeceu a todos os intervenientes neste processo de construção, que agora permite o recomeço de uma nova etapa nas suas vidas, junto dos seus dois filhos, num lar com ótimas condições. Também Lucília Pereira Batista, de 77 anos, tem agora uma habitação renovada, na aldeia de Ceiroquinho, onde não conseguiu esconder a alegria sentida neste momento tão especial. “Não tenho palavras suficientes para agradecer a toda a gente”, contou visivelmente emocionada.

Para José Brito, a entrega das chaves destas duas habitações, constituiu-se como um “momento importantíssimo”, apenas possível graças à “atitude magnânima” da Federação Portuguesa de Futebol que agilizou todo este processo, em colaboração com a Associação de Futebol de Coimbra, de uma forma muito rápida e com uma “eficiência extraordinária”.

Nesse contexto, também Horácio Antunes, salientou a generosidade da FPF na pessoa do seu Presidente, Dr. Fernando Gomes, que com a colaboração de alguns patrocinadores e de muitos Portugueses, permitiram à federação recolher “algumas verbas para ajudar na recuperação destas casas”. Se por um lado, o ano passado foi de grandes dificuldades, por outro se não fosse o “altruísmo e sentido de solidariedade de entidades como a FPF, talvez tivesse sido bem pior”, completou.

No total, foram aplicados 721.941,79 €, distribuídos por 12 casas em diversos Municípios. Este montante adveio das receitas de bilheteira dos jogos particulares com os Estados Unidos e Arábia Saudita e através das linhas telefónicas do call center solidário instalado na Cidade do Futebol, bem como dos donativos feitos diretamente à FPF. No distrito de Coimbra, para além das duas habitações mencionadas, foram ainda reconstruídas mais duas habitações ao abrigo desta iniciativa.

 

  • Img 3924 1 980 640
    Img 3924 1 139 90
  • Img 3919 1 980 640
    Img 3919 1 139 90
  • Img 3921 1 980 640
    Img 3921 1 139 90
  • Img 3931 1 980 640
    Img 3931 1 139 90
  • Img 3936 1 980 640
    Img 3936 1 139 90
  • Img 3944 1 980 640
    Img 3944 1 139 90

Partilhar